17:19Terra de grátis!

Olhaí o site Londrix (www.londrix.com) mostrando como funcionam as coisas na segunda maior cidade do Paraná: “Nem todo mundo está convencido da justa finalidade na entrega de terrenos à iniciativa privada em Londrina. A vereadora Sandra Graça (PP) diz que vai entrar nos próximos dias com uma consulta direta ao Tribunal de Contas (TC). Ela quer saber se é legal a doação de áreas de terras para empresas como forma de incentivo à política de desenvolvimento municipal. Ela terá que apresentar a “consulta direta” ao TC porque, na última terça-feira (28), a vereadora não conseguiu aprovar na Casa um requerimento com o questionamento. Os seus colegas de Legislativo rejeitaram o pedido de informações. Sandra Graça vê risco de dilapidação do patrimônio público com a política de Nedson Micheleti de doação de áreas, defendendo, em lugar disso, a concessão de direito de uso.  Alguns vereadores fazem coro ao discurso do Executivo, expresso por Mauro Vieceli, presidente do Idel: por meio da doação, o empresário agraciado consegue financiamento para viabilizar o seu projeto. Por isso o Executivo prefere entregar terreno, escritura e tudo mais nas mãos do “empresário”. Tese que expõe um risco óbvio ao erário municipal – assumido pela Prefeitura e avalizado pelos nobres edis: se o novo industrial não pagar o financiamento, sua empresa quebra e o banco fica com o terreno do Município. Londrina fica, nesse caso, sem a nova empresa, sem os novos empregos e sem o lote também.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>